TEL.2714-2628 /2611-8790 / e-mail:sindmed@veloxmail.com.br  
line decor
  VOLTAR 
line decor
   
 

PACIENTES NÃO ESTARIAM CONSEGUINDO SERVIÇO DE ORTOPEDIA NO AZEVEDO LIMA

 


Usuários da emergência do hospital estadual localizado no Fonseca voltam para casa sem atendimento. Alguns denunciam que teriam ido à unidade de saúde por mais de três vezes
Usuários do Hospital Azevedo Lima (Heal), no Fonseca, estão se queixando de falta de ortopedistas. Pacientes já teriam feito mais de três visitas à unidade e voltado para casa sem atendimento da especialidade médica. Segundo os usuários, o problema ocorre, pelo menos, desde a semana passada. A unidade não teria médicos para atender a demanda na ortopedia e as festas de final de ano teriam agravado a situação do atendimento.
A secretaria de estado de Saúde e Defesa Civil admite que o hospital enfrentou dificuldades no atendimento na última semana. Mas garantiu que o plantão de final de ano teve comparecimento do quadro completo de especialistas.
Daniel Araújo da Silva, de 30 anos, foi um dos pacientes que encontrou dificuldades de atendimento no Heal.
“Eu machuquei meu braço na sexta-feira (31) durante uma partida de futebol e, desde então, venho aqui diariamente tentar me consultar com um médico e nunca encontro. Às vezes eles dizem que não tem médico, outras dizem que estão operando e não podem atender. Só sei que eu não consigo atendimento nunca”, disse Daniel, que ontem já estava há quatro horas na fila de espera. “Eu sou bombeiro hidráulico, não posso ficar sem atendimento para o braço”, completou.
Sem se identificar com medo de represálias, a esposa de um paciente também reclama da falta de ortopedistas na unidade.
“Meu marido quebrou o braço no dia 25 e foi prontamente atendido, mas não consegue fazer a revisão. Ele está ficando com partes do braço roxo e outras avermelhadas e já estive aqui na quinta (30), na sexta e voltei hoje. Os funcionários dizem que os médicos estão operando. Mas será que eles nunca param de operar?”, questiona indignada.
O Sindicato dos Trabalhadores em Saúde, Trabalho e Previdência Social no Estado do Rio de Janeiro (Sindsprev-RJ) foi procurado para falar sobre as condições de trabalho na unidade, mas está em recesso, voltando ao trabalho apenas hoje.
Já a Secretaria Estadual de Saúde e Defesa Civil informou que o atendimento na unidade tem estado normal diariamente e com quadro completo em todos os dias o plantão, inclusive com três ortopedistas. Mas admite que houve alguns problemas, que atribuiu ao aumento da demanda.
“Realmente ocorreu, em alguns dias da semana passada, uma demora maior no atendimento da ortopedia, em função da chegada de vários casos de emergência de cirurgia ortopédica. Assim, os casos menos graves tiveram que esperar um pouco mais nestes momentos. O critério é sempre o de classificação de risco. Mas todos foram atendidos”, informou por meio de sua assessoria.

 

FONTE: O FLUMINENSE

Por: Wilson Mendes 03/01/2011

 
 

 

.

 


 
   
 SINDICATO DOS MÉDICOS DE NITERÓI, SÃO GONÇALO, MARICÁ, RIO BONITO,
 MAGÉ, SILVA JARDIM, ITABORAÍ, GUAPIMIRIM E TANGUÁ
AV. ROBERTO SILVEIRA, 123 - ICARAÍ - NITERÓI - RJ - CEP:24230-150

TEL.2714-2628 /2611-8790 / e-mail:sindmed@veloxmail.com.br


produced by ACE PRODUÇÕES