TEL.2714-2628 /2611-8790 / e-mail:sindmed@veloxmail.com.br  
line decor
  VOLTAR 
line decor
   
 

MAIS UMA VEZ O HOSPITAL MUNICIPAL CARLOS TORTELLY (ANTIGO CPN)PASSA POR DIFICULDADES

 


Mais uma vez o Hospital Municipal Carlos Tortelly (antigo CPN) passa por dificuldades. Os elevadores, que foram reinaugurados há pouco tempo, não estão funcionando e os pacientes são obrigados a utilizarem as rampas e as escadas. Além disso, não há clínicos gerais na unidade de saúde para fazer consultas e nem há previsão de quando o problema será solucionado.
A reforma dos elevadores foi realizada através de uma parceria da Secretaria Municipal de Saúde com o Hospital das Clínicas de Niterói (HCN) foi concluída no dia 22 de outubro do ano passado. Eles estavam parados desde 2004 e o acesso dos pacientes aos três pavimentos vinha sendo feito pela rampa e, nos casos mais graves, com a utilização de cadeira de rodas.
De acordo com os funcionários, poucas semanas depois da inauguração, um dos elevadores parou de funcionar e cerca de um mês depois, o mesmo aconteceu com o outro. Atualmente os três estão em desuso e não há nenhum indício de que serão novamente recuperados. Para avisar aos pacientes que os elevadores não podem ser usados, os funcionários do hospital usaram de ironia: na porta de um deles , foi colocada a placa de recuperação dos três elevadores.
“ Isso aqui é comum, nada funciona direito neste hospital”, revela um dos funcionários, que prefere não se identificar. “ O elevador estava funcionando, mas logo depois que eles viraram as costas , parou de funcionar. Foi a maior festa e depois deu nisso aí. É absurdo!”. Ele contou que quando ocorre um óbito no CTI, que fica no 3º andar, o corpo passa por todo o hospital, inclusive pela emergência.
Outro problema grave no Carlos Tortelly é a falta de médicos. Ontem, logo que chegavam ao hospital, os pacientes se depararam com um aviso informando que não havia clínico geral. Ao ser questionada a recepcionista confirmou a informação e disse que não havia previsão de quando o pr ob le ma será solucionado. De acordo com a funcionária, os pacientes que precisam de consulta com clínicos podem procurar o Hospital Azevedo Lima, no Fonseca ou a UPA do mesmo bairro.
A demora no atendimento também irritou alguns pacientes da emergência . Só havia um médico ortopedista atendendo, e as pessoas tinham que esperar horas por uma consulta. Alguns reclamavam até de descaso dos médicos. “ Cheguei aqui dez horas da manhã e só consegui que ele autorizasse um exame agora, quase 18h.”, informou uma mulher que estava acompanhando uma amiga com suspeita de infecção urinária. Outra paciente também reclamou da demora e do descaso “Estou aqui desde cedo, eles não queriam me atender, porque disseram que estão com uma ordem de não atender fumantes. Só agora a tarde que consegui ser atendida.”

 

FONTE: A TRIBUNA

Publicado em: 05/01/2011

Texto: Soraya Batista
.

 
 

 

.

 


 
   
 SINDICATO DOS MÉDICOS DE NITERÓI, SÃO GONÇALO, MARICÁ, RIO BONITO,
 MAGÉ, SILVA JARDIM, ITABORAÍ, GUAPIMIRIM E TANGUÁ
AV. ROBERTO SILVEIRA, 123 - ICARAÍ - NITERÓI - RJ - CEP:24230-150

TEL.2714-2628 /2611-8790 / e-mail:sindmed@veloxmail.com.br


produced by ACE PRODUÇÕES